Este blogue não adoPta o novo acordo ortográfico.

quarta-feira, 12 de abril de 2017

Teste nº 5 - O dia em que o papá é pequenino outra vez

Chegado o dia de aniversário do pai desta família um bolo teria de ser confeccionado para comemorar. O bolo que, no que ao tamanho respeita, não era directamente proporcional à grandeza da razão da comemoração mas foi-lhe dada um muito bom como nota por todos os membros desta casa e pelos avós também.
Como o papá não é amante de bolo de chocolate optei por um de baunilha, bem húmido, mesmo ao seu gosto.  A princesa deu uma ajuda, foi buscar os ingredientes à despensa e untou a forma com prazer. Usei uma forma alta porque gosto do aspecto com que os bolos ficam. O senão é que demora mais um pouco a cozer do que o habitual.
Como recheio usei mais ou menos o costume, natas, philadelphia, açúcar em pó e desta vez adicionei gelatina em pó previamente dissolvida para manter a consistência do recheio/ cobertura e la pièce de resistance, oreo. Sim bolachinhas pretas e posso garantir que ficou fantástico, é só o que tenho a dizer quanto a isto. Sugiro que experimentem e depois digam de vossa justiça. A fotografia não é a melhor, aliás é bem fraquinha e não faz jus ao bolo em questão. Mas foi o que se pôde arranjar.
Aqui fica a receita desta maravilha.

Bolo de Baunilha e buttermilk


Bolo de baunilha e buttermilk
Ingredientes
  • 2 ovos L
  • 1/2 chávena de manteiga sem sal
  • 1 chávena de açúcar
  • 2 chávenas de farinha peneirada
  • 1 1/4 chávena de buttermilk
  • 2 c. chá de fermento
  • 1 c. chá de sal
  • 1c. chá de baunilha
Preparação

Preparar o buttermilk, juntar sumo de meio limão ao leite e deixar repousar alguns minutos. O ideal seria meia hora.
Pré aquecer o forno a 170ºC.
Untar muito bem e polvilhar a forma.
Bater os ovos com o açúcar até obter um creme fofo.
Adicionar os ovos um a um batendo entre cada adição.
Adicionar a farinha, o fermento e o sal alternada com o buttermilk começando e acabando com a farinha.
Por fim acrescentar a baunilha.
Vai ao forno até estar cozido, aproximadamente 35 minutos mas é mais seguro fazer o teste do palito.
Deixar arrefecer na forma 10 minutos antes de desenformar. Findo este tempo tranferir para a rede e deixar arrefecer completamente antes de cortar e rechear.

Recheio de Oreo

Ingredientes

  • 3/4 de um pacote de oreo
  • 1 pacote de natas
  • 125g queijo philadelphia
  • Açúcar em pó a gosto
  • 1 c chá gelatina em pó
Preparação

Moer as bolachas e reservar.
Bater as natas, o queijo e o açúcar até obter um creme consistente.
Misturar a gelatina previamente dissolvida num pouco de água quente.
Levar ao frigorífico meia hora antes de usar.
No momento em que se for rechear o bolo envolver as bolachas Oreo no creme.

Montagem

Cortar o bolo ao meio e colocar uma camada generosa do recheio, dois centímetros aproximadamente. Vale a pena esta dose extra de recheio!
Usar o restante creme para cobrir o bolo.

segunda-feira, 10 de abril de 2017

Teste nº 4 - O meu dia

Mais um aniversário desta que sempre que pode dá uso à pena e coloca uns post por aqui. Sei que os meus post são quase sempre de guloseimas, é como é, eu sou gulosa! E adoro fazer bolos. Agora que estamos na quaresma tenho que arranjar um chicote para me penitenciar. Menina má, muito má que eu tenho sido. Só doces e mais doces. ainda por cima fiz dois bolos com recheios e coberturas diferentes. As meninas da aula de pintura merecem um miminho. Eu gostei mais da cobertura de morango, acho-a mais fresca, se bem que o bolo em que coloquei a de leite condensado também estava recheado com morangos frescos que deram frescura ao bolo.
Bem vamos é ao que interessa, o bolo. Considerações, apenas que é um bolo seco, assim sendo para aqueles não amantes façam-lhe uma calda e sobretudo não deixar cozer demais. Ao fim de 30 minutos convém dar uma espreitadela e fazer o teste do palito só para ter a certeza. Aconselho a rechear o bolo e deixá-lo no frigorífico de um dia para o outro, o recheio e a cobertura também conferem humidade ao bolo tornando-o mais macio. 

Bolo de Amêndoa


Bolo de amêndoa com recheio e cobertura de leite condensado

Bolo de amêndoa com recheio e cobertura de morangos
Ingredientes
  • 6 ovos
  • 55g + 90g de açúcar
  • 2c. chá de sumo de limão
  • 90g de farinha
  • 60g maizena
  • Pitada de sal
  • 1c. café de fermento
  • 100g amêndoa ralada
Preparação

Pré aquecer o forno a 165ºC.
Untar e polvilhar a forma.
Bater as gemas com as 55g de açúcar até obter um creme fofo.
Bater as claras em castelo com o sal. Juntar aos poucos as 90g de açúcar e o sumo de limão e bater mais um pouco.
Envolver as claras nas gemas.
Juntar delicadamente as farinhas peneiradas com o fermento e amêndoa.
Vai ao forno aproximadamente 45 minutos.
Não deixar cozer demais pois fica muito seco.

Recheio de leite condensado
  • 2 c sopa de leite condensado cozido
  • 1 pacote de natas
  • 100g de creme de queijo (tipo philadelphia)
  • Açúcar em pó a gosto

Bater todos os ingredientes até obter a consistência de um creme espesso.
Usar.

Recheio de morango

  • 125g de morangos em puré
  • 1 pacote de natas
  • 125g de creme de queijo (tipo philadelphia)
  • Açúcar em pó a gosto
Bater bem as natas com o creme de queijo  e o açúcaraté estar bem espesso.
Adicionar o puré de morango e bater mais um pouco. 
Está pronto a usar.

sábado, 8 de abril de 2017

Teste nº 3

Sim é verdade, mais um teste. Bem este não será propriamente um teste pois não me parece que seja o bolo adequado para aguentar com decorações em pasta de açúcar dada a sua leveza.
É um bolo absolutamente fantástico, leve e fofo, húmido q.b e não muito doce, é quase light. Lá estou eu a tentar florear a coisa!
Ficou aprovado cá em casa em particular pelos adultos. O adolescente cá de casa, guloso como a sua mãe não deixou de degustar o dito bolo mas como o próprio disse não foi dos meus melhores, pois não estava doce nem tinha cobertura ou recheio. Eu achei divino. A capacidade de apreciar pequenos prazeres e paladares diferentes vem com a idade presumo eu.

Cheese cake Japonês
Cheese cake Japonês
Ingredientes
  • 6 claras
  • 6 gemas
  • 1/4 c. chá de cremor tártaro ( substituí por 1 c chá de sumo de limão)
  • 57g de manteiga
  • 250g creme de queijo
  • 88ml leite frio
  • 1 c sopa de sumo de limão
  • 57g farinha extra fina
  • 28g amido de milho
  • 1/4 c chá de sal
Preparação

Pré aquecer o forno a 165ºc.
Untar e forrar uma forma de 20cm de diâmetro.
Derreter o queijo, a manteiga e o leite em banho maria. Deixar arrefecer.
Adicionar a farinha, o amido de milho, as gemas e o sumo de limão e mexer bem.
Bater as claras em castelo com o cremor tártaro até estarem em espumo. Adicionar o açúcar e bater até formar picos.
Acrescentar as claras à mistura de gemas, envolvendo sem mexer demasiado. Verter o preparado na forma e colocá-la no forno em banho maria 1h e 10 minutos ou até estar dourado.
Deixar arrefecer um pouco antes de desenformar.
Polvilhar com açúcar em pó antes de servir.

sexta-feira, 7 de abril de 2017

Teste nº 2

Foi uma semana muito dura. Trabalho, trabalho e mais trabalho, demasiadas horas e um cansaço gigantesco. Sábado para não variar também foi dia de trabalho e quando cheguei a casa já a tarde ía a meio e esta que vos escreve estava exausta. Tinha saudades dos meus pequenos, não tivemos o nosso pequeno almoço juntos, a mamã não foi acordá-los com milhões de beijos, faltava o nosso sábado. Como estava tão cansada não podia parar ou adormecia. No meio da azáfama achei que todos merecíamos uma sobremesa no domingo. Uma espécie de compensação do tempo perdido.
Como havia dito, estou em modo teste para descobrir a receita perfeita para o bolo de comunhão da princesa. Desta vez optei por uma nova receita de pão de ló. Não é o típico pão de ló fofíssimo, mas também não podia, eu queria incrementá-lo com um recheio de natas com morangos, queria um naked cake. Nunca tinha feito nenhum e para uma primeira vez até que ficou bonitinho.
O marido até perguntou se tínhamos visitas ou íamos a algum lado e levávamos a sobremesa! Por norma não faço bolos com recheios para casa a não ser que se trate de uma ocasião muito especial. E esta era uma ocasião especial, especial porque me apeteceu que o fosse. Ficou giro, saboroso e fresco. Estava divino. Nota máxima cá em casa. Aliás um bolo com natas e morangos consegue sempre ser um sucesso e cá em casa então nem se fala, todos fãs de morangos com natas.
O bolo é super fácil de fazer. Rechear também não é problema, fácil fácil. Usei uma forma formato malmequer da fábrica "A Metalúrgica" só para dar um aspecto diferente.

Pão de ló para rechear
Pão de ló recheado
Ingredientes
  • 8 ovos pequenos
  • 450g de açúcar (o peso dos ovos)
  • 2 chávenas de farinha peneirada
  • 1c chá de fermento
  • 4 c. sopa de óleo
  • 1 chávena de água quente
Preparação

Pré aquecer o forno a 170ºC.
Untar e polvilhar a forma.
Separar as gemas das claras.
Bater as gemas com o açúcar até obter um creme fofo. Acrescentar o óleo e a água quente e misturar bem.
Bater as claras em castelo bem firme.
Juntar a farinha peneirada às gemas e bater mais um pouco.
Por fim envolver as claras em castelo.
Vai ao forno previamente aquecido até estar cozido.